Dica 462 – Inglês Ruim

Fiquei bastante surpreso ao ler na revista Você S/A de maio de 2012 o resultado de uma pesquisa realizada em 76 países com 108.000 profissionais. Essa pesquisa visava medir o nível de fluência em inglês, e o resultado foi muito baixo para o nosso país. O Brasil ficou em penúltimo lugar – ou seja, teve a segunda pior colocação, só tendo sido melhor do que a Colômbia. Segundo a pesquisa, os cinco piores países em inglês são: Colômbia, Brasil, Turquia, Japão e México.

A revista ainda cita uma outra pesquisa realizada no ano passado que mostra que 74% das empresas brasileiras já tiveram perdas financeiras em transações internacionais causadas por problemas na comunicação entre os negociadores. Segundo a matéria, 74% dos brasileiros pesquisados dizem que se saem piores do que os estrangeiros na hora de se comunicarem em outra língua. E a reportagem afirma ainda que a barreira não se restringe à língua. O problema é entender a cultura do outro país.

Por que será que os brasileiros ainda têm tanta dificuldade para aprender inglês? Esta foi a pergunta que me levou a iniciar esse blog e escrever o livro “101 Dicas Para Você Aprender Inglês Com Sucesso”. Tanta gente ainda me fala sobre a vontade de estudar inglês, ou de voltar para o inglês, mas a coisa simplesmente não engrena. Eu acredito que falta esforço e dedicação. E falta ainda mais tentar usar o inglês. Muitas pessoas ainda encaram o inglês apenas como uma matéria escolar na qual elas precisam passar. Quando eu digo para falar inglês fora da sala de aula, para ler em inglês ou assistir a filmes em inglês, muitos dão risada ou ainda dizem que não têm tempo.

Eu vejo muitos alunos que atingem um nível intermediário e depois se acomodam, achando que já sabem o suficiente, e não se esforçando para aprender mais. E que acabam não passando daquele nível.

Em relação à cultura, eu já cometei várias vezes que aprender a língua é muito ligado com aprender a cultura. Eu não me conformo com pessoas que querem aprender inglês mas não se interessam pela cultura americana ou inglesa. Há pessoas que não lêem, não assistem a filmes, não tentam conhecer a história dos países de língua inglesa. Isso é muito importante no aprendizado da língua. Quanto mais você conhecer a cultura dos países de língua inglesa, melhor vai se comunicar em inglês. Para falar inglês você precisa pensar em inglês. Entender a cultura ajuda a entender como eles pensam.

Aprender inglês bem é possível. Mas por mais que você tenha os melhores professores, por mais que você esteja na melhor escola, o esforço maior tem que vir de você.

E então, vamos começar a mudar a nossa estatística?

Até a próxima,

Carlos

Anúncios

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , ,

2 Respostas to “Dica 462 – Inglês Ruim”

  1. Ge Says:

    Oi. Tudo bem?
    Concordo em número e gênero com as suas palavras. Há tempos tento aprender inglês e, há alguns anos comecei um projeto financeiro pessoal. Hoje estou em Boston – MA – prestes a terminar um intercâmbio de um mês.
    É pouco tempo? Sim.
    O investimento é alto? Sim.
    No entanto, o fato de aprender um pouco mais a cultura americana fez e está fazendo a diferença no meu aprendizado. Aprendi a gostar de inglês.
    Não é fácil entender os professores explicando gramática em inglês, redação em inglês, enfim, mas vale a pena pegar um período de férias e investir neste projeto. Você sempre volta diferente de uma viagem. Quando é para aprender outro idioma então, o ganho é em dobro.
    Um abraço,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: