Dica 602 – Contenha a ansiedade! Dê tempo ao tempo!

Recebi uma pergunta de um leitor, que achei melhor responder na forma de um post, pois é um assunto que diz respeito à maioria das pessoas.

O Jonas Schirmer me escreveu dizendo o seguinte:

“Sou estudante de inglês há 7 meses e sempre procuro praticar. Adquiri um pouco de vocabulário, mas fico confuso quando só pratico listening sem a transcrição. O que devo fazer?”

Eu já falei sobre isso algumas vezes, inclusive nos meus livros, mas acho importante voltar ao assunto. Um dos grandes problemas do mundo moderno é o imediatismo. Nós temos tudo muito fácil, e ao alcance da mão. E para muitas coisas, isso é muito bom! Podemos ler as notícias em poucos instantes e saber tudo o que acontece em qualquer lugar do mundo. Eu adoro baixar os meus seriados favoritos no dia seguinte aos que são exibidos nos Estados Unidos ao invés de ter que esperar para vê-los na TV aqui no Brasil. Você precisa de uma receita de comida, e consegue achar várias versões dela na internet a um toque do dedo. E muito mais.

Por outro lado, esse imediatismo nos levou a querer tudo fácil demais, e há coisas que levam tempo. O aprendizado, por exemplo. Não dá para ser aprender alguma coisa imediatamente. Tudo demora! E esse é o processo normal.

Quando eu era criança e adolescente e estava no colégio, eu fazia dezenas de exercícios de matemática até aprender bem. Eu ficava horas decorando os passados dos verbos em inglês, até aprendê-los.

Um ator ensaia uma peça durante meses até aprender o texto, colocar as emoções corretamente em cada fala e lembrar as suas posições no palco. E por aí vai.

Aprender inglês leva tempo, como aprender qualquer coisa. E você precisa se dar esse tempo. Não é de uma hora para outra que você vai aprender inglês. Vai demorar um pouco. O quanto isso vai demorar, depende de vários fatores, inclusive a sua dedicação.

Entender o que você ouve numa língua estrangeira não é fácil. No início, você não entende absolutamente nada. Mas aos poucos você começa a entender mais e mais. É claro que você não se lembra, mas quando você nasceu também não entendia nada do que as pessoas falavam para você. Mas com o temp0, foi aprendendo a entender. E hoje você entende a sua própria língua.

Essa história de imediatismo funciona assim. Você mal começa a estudar inglês e já quer entender um filme em inglês. E fica frustrado se não consegue. Lembre-se: este é um processo longo. Não se frustre – você é normal!

Quando você usa um livro didático, as atividades de listening são programadas cuidadosamente para serem um pouquinho acima do seu nível, para sempre estimulá-lo a crescer. Mas se você vê um filme ou ouve um coisa qualquer, aquilo não foi pensado em um estudante de línguas. Por isso é normal ser muito difícil. Mas com tempo isso vai se tornar mais fácil. Isso, é claro, se você sempre ouvir coisas em inglês.

Como o Jonas diz na sua pergunta, muita gente acha que ler a transcrição do texto ajuda a entender. Isso é um equívoco, pois a pessoa que faz isso entende melhor por ter lido, não por ter ouvido. E ler é uma outra habilidade que você precisa desenvolver, mas aí é um outro assunto. Ler não melhora a sua abilidade de ouvir em inglês. Para isso você precisa ouvir!

Se você controlar a sua ansiedade e a sua necessidade de querer entender tudo, vai ver que esse processo funciona. Uma ideia que eu dou aos meus alunos é assistir o mesmo filme ou seriado várias vezes. Na primeira vez, coloque na sua cabeça que não vai entender nada mesmo. E irá se supreender. Quanto mais vezes você assistir, mais vai entender. Mas mesmo que não entender tudo, não se desespere. Você chega lá.

No caso do Jonas, 7 meses não é muito tempo para aprender uma língua. Ainda há muito chão pela frente. É preciso de calma. É preciso dar tempo ao tempo. Aos poucos você vai entender mais e mais.

Usar a transcrição é uma muleta. Você pensa que está entendendo, mas não está. O dia que você achar que já está entendendo melhor e não olhar mais a transcrição, vai ter dificuldade novamente. Então o negócio é enfrentar a dificuldade agora!

Como eu já disse antes, tente ver as coisas pelo lado positivo. Não pense no que não consegue entender. Pense no que já consegue e vai ver que isso vai sempre aumentar!

Devagar e sempre!

Até a próxima,

Carlos

 

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: