Posts Tagged ‘bom’

Dica 604 – Tenha a sua “biblioteca sobre rodas”

dezembro 4, 2014

Uma outra ideia muito bacana do livro “100 Ways to Motivate Yourself” de Steve Chandler é a criação de uma “biblioteca sobre rodas”.

Você já se deu conta de quanto tempo passamos dentro de um carro durante o dia? Se você mora numa cidade grande, como eu, esse tempo pode ser muito grande. E você passa a maior parte desse tempo mal humorado.

Steve Chandler diz é o tempo que passamos dentro do carro não precisa ser frustrante. Você pode usar esse tempo para se educar e para se motivar. Que tal usar esse tempo para praticar inglês? Se você está estudando inglês num curso ou por conta própria, você pode ouvir gravações do seu curso. Pode só ouvi-las, ou aproveitar para ouvir e repetir. Se você não está num curso, pode ouvir outras gravações de diálogos, textos, podcasts, notícias em inglês ou qualquer outra coisa que possa ajudar o seu inglês.

Você pode usar esse tempo para aprender a cantar uma música nova em inglês. Basta ter a letra no banco ao seu lado. Quando o trânsito der uma paradinha, dê uma olhada na letra. Depois vá tentando cantar a música até aprender. Isso é uma coisa que eu faço muito.

Segundo o livro de Steve Chandler, foi feita uma estimativa de que no tempo gasto em 3 meses no trânsito uma pessoa pode receber o equivalente a um semestre de educação. Eu nunca tinha pensado nisso, mas realmente é muito tempo! E nós vivemos dizendo que não temos tempo para nada! O segredo é saber aproveitá-lo.

Se você não anda de carro, a mesma coisa pode ser feita no transporte público. Você pode ouvir coisas em inglês no ônibus, metrô, trem, taxi, até mesmo andando a pé. Outro dia, andando de metrô, me dei conta da quantidade de pessoas com o seu telefone, a maioria mandando mensagens ou jogando. Por que não usar esse tempo em prol do seu inglês?

A tecnologia pernite que você tenha no seu telefone, tocador de mp3 ou tablet uma quantidade enorme de material que é fácil de carregar e acessar a qualquer momento. Você pode ter uma biblioteca inteira ao alcance das mãos.

Colocando a sua biblioteca sobre rodas você vai usar o seu tempo muito melhor. E vai até melhorar o humor! Bom, né?

Até a próxima,

Carlos

 

 

Dica 565 – É bom ter problemas – o exemplo do Américo

julho 31, 2013

O meu aluno Américo acaba de voltar de umas férias com a família nos Estados Unidos. Na nossa primeira aula depois da viagem ele me contou tudo o que aconteceu por lá. Uma das coisas que me impressionou foi a história que ele me contou de como algumas de suas malas se perderam e ele teve alguns problemas para recuperá-las até que deu tudo certo.

O que me mais me impressionou não foi o fato de ele ter tido o problema, mas sim o que ele me disse a respeito. Ele me disse: “Eu fiquei chateado, mas senti que foi uma oportunidade de melhorar o meu inglês”.

Não é o máximo?

Como eu já disse e repeti muitas vezes, tudo é uma questão de atitude. E essa é uma atitude super positiva. São os nossos problemas que nos fazem ir para a frente. Tentar vencer as dificuldades nos faz mais fortes, e no caso do aprendizado, nos faz aprender mais. E foi assim que o Américo encarou as suas dificuldades – e as venceu.

Muitas vezes nós fugimos do problemas, e procuramos a segurança. Queremos fazer o que já sabemos e não tentar nada de diferente, para não corrermos perigo. Mas quem não tenta nada novo, não aprende nada novo. Por isso é importante tentar o novo, e criar problemas para nós mesmos tentarmos resolver.

Quando você tiver algum problema, não fique triste. Encare como um desafio e saiba que sempre você vai tirar algo positivo dele.

Até a próxima,

Carlos

Dica 502 – Olhe o lado bom das coisas

setembro 28, 2012

Se você às vezes fica desanimado com o seu estudo de inglês ou com qualquer outra coisa que está fazendo, fique sabendo que você é normal. Isso acontece com todo mundo. Por mais que a gente saiba, sempre há um monte de coisas que a gente (ainda) não sabe. Nessas horas, é sempre bom você dar uma paradinha e olhar para trás. Em vez de pensar no que ainda falta aprender, pense em tudo o que já aprendeu até hoje. Você vai ver que é bastante. E que se você conseguiu chegar até aqui, vai conseguir chegar mais longe. É só seguir em frente.

Sempre há o lado bom de todas as coisas. E nós precisamos pensar positivamente. Isso nos ajuda a prosseguir. E para isso aí vai uma música maravilhosa, que faz parte do filme “A Vida de Brian” do grupo inglês Monty Python, um dos filmes mais engraçados que eu já vi na minha vida. Nesta música, o personagem Brian está sendo crucificado e um dos seus companheiros diz que mesmo nesta hora sempre há um lado bom.

Essa não é a gravação do filme, mas uma apresentação especial feita muitos anos depois. Ela tem  a letra para você cantar junto. Cante e divirta-se!

ALWAYS LOOK ON THE BRIGHT SIDE OF LIFE

Se voce não conhece o filme “A Vida de Brian”, assista pois é maravilhoso. Na cena do filme os personagens cantam pendurados nas cruzes. É hilário!

E lembre-se de que sempre existe um lado bom para tudo o que acontece com você. Por isso, não desanime. Siga adiante! E continue melhorando cada vez mais o seu inglês.

Até a próxima,

Carlos

Dica 457 – É preciso começar

abril 23, 2012

Esta frase me chamou a atenção no facebook neste início de semana:

Você não precisa ser incrível para começar, mas você precisa começar para ser incrível.

Pensando bem, é um grande verdade. Eu já ouvi muitas pessoas dizerem que não estudam inglês porque são ruins de inglês. Isso é um contra-senso! Você não precisa ser bom em inglês para começar a estudar. Mas depois que você começar a estudar e aprender, você vai começar a ficar bom, e daí para a frente vai ficar cada vez melhor. E isso não é só para o inglês. É para tudo que vamos aprender.

Uma das coisas que impede o aprendizado é nossa dificuldade em nos mostrarmos vulneráveis. Parece que mostrar aos outros que não sabemos algo é um sinal de fraqueza. Não é! Todos somos ruins no início e a com a prática vamos melhorando. Se não fosse assim, um bebê nunca começaria a andar, pois ele ia achar que andava mal. Mas o bebê aprende a andar, mesmo que no começo ande meio cambaleando, mesmo que leve muitos tombos, porque ele não pensa que está andando mal. Ele pensa que está cada vez andando melhor, e que é melhor andar do que engatinhar.

Quando estamos aprendendo inglês é normal falar errado, esquecer as palavras, dizer coisas sem sentido. Todo mundo passa por isso – até os nativos quando aprendem a própria língua. Por isso não tenha vergonha nem medo e não se sinta mal por não ser bom em inglês. Com o tempo você vai ficar bom. É só olhar para frente e se esforçar!

Até a próxima,

Carlos