Posts Tagged ‘pronuncia’

Dica 624 – Boas festas, cantando em inglês

dezembro 23, 2015

Olá amigos,…

Cantar, praticar inglês e comemorar as festas de fim de ano com uma linda mensagem… tudo junto! Que mais podemos querer?

Escolhi a música “A Life That’s Good” do seriado “Nashville” pois ela fala sobre o que realmente é importante na nossa vida: ser feliz e ter o amor das pessoas que estão ao nosso lado. Acho que é uma linda mensagem para nós pensarmos não só na época do final do ano, mas durante o ano todo.

Aí vão três versões da música. A primeira é a versão original que tocou em “Nashville” cantanda pelas irmãs Lennon e Maisy Stella.

 

A LIFE THAT’S GOOD

(Se não abrir, clicle no link: https://www.youtube.com/watch?v=SvrW9XkkCGk)

 

A segunda versão é do Karaoke Channel, com os vocais, para você aprender a cantar.

(Se não abrir, clique no link: www.youtube.com/watch?v=1g6F-Ny_5z4)

 

E finalmente a versão em karaoke, para você cantar sozinho.

(Se não abrir, clique no link: https://www.youtube.com/watch?v=CvYROkHjMYQ)

 

Que tal reunir a família, ensinar a música e todos cantarem juntos na festa de Natal ou na festa de Ano Novo? Dá para se divertir, praticar o seu inglês e passar adiante essa mensagem linda!

Boas festas e continue praticando e melhorando o seu inglês no ano que vem!

Carlos

Dica 618 – Um Festival de Línguas – A pronúncia do TH – Parte 2

julho 9, 2015

Aqui está mais um “Festival de Línguas” para você praticar a pronúncia do som de TH em inglês. Mais do que ensinar, montei esse vídeo para convencer os estudantes de inglês que colocar a língua para fora para falar o TH é normal entre os nativos. E se eles fazem, você pode fazer também.

Assista e pratique!

Muitos estudantes de inglês ficam com vergonha de colocar a língua para fora para fazer o som de TH. Mas se você não fizer isso, o som não vai sair correto. Você pode perceber pelo vídeo que tem gente que põe a língua bem para fora e outros que só põe um pedacinho para fora. Mas todos o fazem. Eu sempre recomendo que no começo você exagere um pouco. E que sempre pense antes de falar o TH e se lembre de colocar a língua no meio dos dentes. Se você fizer isso muitas vezes, o ato vai acabar se tornando automático e você vai conseguir fazê-lo sem pensar. É só uma questão de prática.

Continue praticando e você vai melhorar cada vez mais.

Até a próxima,

Carlos

 

Dica 617 – Um festival de Línguas – A pronúncia do TH – Parte 1

julho 8, 2015

Uma das maiores dificuldades que eu tenho no ensino do inglês é fazer os meus alunos acreditarem que para pronunciar o som de TH eles precisam colocar a língua para fora no meio dos dentes. No Brasil, falar assim é considerado um defeito de fala – é o que a gente costuma chamar de “ter a língua presa”. No entanto, no inglês, essa é a maneira correta de falar. E para falar corretamente é preciso praticar bastante.

Para convencer os meus alunos de que é assim mesmo, eu costumo mostrar cenas de filmes e seriados onde dá para se ver claramente a língua saindo para fora. Por isso montei esse vídeo que eu chamei de “Festival de Línguas”. Assista, preste atenção às línguas que vai ver, e pratique bastante.

Aprender a pronunciar corretamente é um trabalho mecânico. Você precisa se esforçar bastante. No início você precisa pensar bastante no que está fazendo. Tem que ser uma atitude consciente. Se praticar muito, vai chegar um dia em que você vai fazer isso sem pensar. Quanto tempo isso vai levar, vai depender de você.

Para você melhorar, você precisa primeiro querer melhorar. E se dedicar a isso. Você consegue. Como diz o título de um dos meus livros, “Você Consegue Aprender o Que Quiser”.

Espero que esse vídeo ajude. Logo virão outros. Aguardem!

Até mais,

Carlos

Dica 616 – Pratique a pronúncia do TH com música

maio 31, 2015

Todo mundo gosta de cantar. O que varia é o gosto pessoal de cada um. O tipo de música que você gosta pode ser diferente do tipo de música que eu gosto. De qualquer maneira, essa dica pode ser usada com qualquer música. Basta você escolher uma música de que goste e fazer o mesmo que eu fiz com essa.

Nesse vídeo eu dou um exemplo de como praticar a pronúncia do TH cantando. Eu usei a música “The Lady Is a Tramp” cantada p0r Frank Sinatra. Use essa música, ou escolha uma outra qualquer. Se você praticar bastante cantando, vai ver que quando for falar, vai acabar falando com a pronúncia correta também.

Veja o vídeo e depois mande um comentário dizendo o que achou.

Ter uma boa pronúncia exige bastante trabalho muscular. Você precisa mexer e boca e a língua da maneira correta e muitas vezes isso é diferente da maneira como se faz em português. Por isso dá trabalho. Mas com a repetição constante, o seu corpo vai se acostumando e um dia você vai fazer corretamente. O importante é a prática e a persistência.

Continue praticando, que você vai chegar lá!

Até a próxima,

Carlos

Dica 571 – Uma ótima música para praticar o futuro com going to

outubro 1, 2013

Eu gosto muito de usar músicas para estimular o aprendizado de inglês, como você já deve ter percebido. Uma das coisas que gosto de fazer é pedir para os meus alunos acharem músicas das quais eles gostem com o ponto gramatical que estamos estudando. Muitas vezes eu levo uma música para a aula, mas que é do meu agrado ou alguma de que eu me lembrei quando preparava a aula. Nem sempre é uma música que os alunos curtem. Por isso, deixar que eles sugiram as músicas é uma boa ideia. Isso faz os alunos se envolverem mais com a aula. E isso também faz com que eles pensem um pouco sobre o que estamos estudando.

Numa das minhas últimas aulas para um dos meus grupos, eu estava trabalhando com o futuro com going to e perguntei se alguém conhecia alguma música onde essa estrutura aparecia. Na hora ninguém se lembrou de nada, mas na aula seguinte algumas alunas trouxeram essa sugestão: a música One way or another do grupo One Direction. Eu não conhecia a música, mas realmente é muito boa para treinar going to, principalmente por apresentar a combinação dessa estrutura com vários verbos diferentes e por dar a oportunidade de praticar bastante a pronúncia – going to se pronuncia gonna.

Veja o clipe com a letra na tela e cante junto:

Se você é fã do One Direction vai gostar da música com certeza. Se você não é, pode gostar dela também, pois é uma música bem gostosa, alegre e fácil de cantar.

Mas também se não gostar, pode procurar outra música com going to. Se achar uma do seu agrado, cante, divirta-se e pratique o seu inglês. E não esqueça de me contar depois. Eu conheço muitas músicas, mas há muitas outras que eu não conheço. Nem dá para a gente querer conhecer todas as músicas que existem, né?

Até a próxima,

Carlos

Dica 567 – Mais um pouco sobre a importância de imitar

agosto 22, 2013

Eu recebi essa sugestão da minha amiga Celene Santos, que eu reencontrei após muitos anos através do facebook. Nós professores de inglês sempre estamos atrás de coisas interessantes para motivar nossos alunos, e essa é mais uma delas.

Já escrevi mais de uma vez sobre como imitar ajuda a aprender inglês. Imitar é como uma grande brincadeira. Muita gente gosta de imitar os outros, e a gente cresce imitando os nossos pais, nossos amigos, nossos ídolos. É verdade que algumas pessoas têm mais dom para imitar, mas não é só uma questão de talento. É também uma questão de prática. Quando você quer imitar alguém, precisa praticar bastante até ficar bom. Aqueles que praticam mais, acabam ficando melhores. Como tudo na vida, diga-se de passagem!

Nesse vídeo que a Celene me sugeriu, uma garota imita vozes de personagens Nintendo. Eu não entendo nada desses personagens, mas como disse a Celene, a menina faz um ótimo trabalho de criar os sons e repeti-los. Veja:

Nintendo impressions:

Claro que a curiosidade foi grande, e fui atrás de outros vídeos da mesma garota. Você consegue ver muitos deles vídeos no canal Brizzy Voices.

Aqui ela imita as princesas da Disney:

Aprender a falar inglês funciona assim também. Para você falar bem, você pode começar imitando os sons que ouve. Quanto melhor você imitá-los, melhor a sua pronúncia e entonação vão ficar. Imitar a maneira da pessoa falar, a maneira de mexer a boca e articular as palavras, tudo isso vai melhorar o seu inglês oral. Além, disso, imitar as palavras e expressões que as pessoas falam vai ajudar você a ampliar o seu vocabulário ainda mais. Você aprende onde e como usar determinadas palavras e expressões.

Isso não quer dizer que você vai se tornar um papagaio e ficar somente repetindo o que os outros falam. O que acontece é que você vai montando um repertório, que mais tarde você vai usar do seu jeito. E os sons e melodias da língua vão começar a se internalizar e fazer parte do seu inglês. Uma hora você vai estar falando com a pronúncia e a entonação melhores.

Brinque de imitar e vai ver como o seu inglês vai sentir a diferença!

Obrigado, Celene, pela dica.

Até a próxima,

Carlos

 

Dica 566 – Vamos praticar a pronúncia do TH

agosto 3, 2013

Quem me conhece, e quem me acompanha aqui no blog e nos meus livros sabe da importância que dou a falar inglês com uma pronúncia boa. E ter uma boa pronúncia é só uma questão de prática. Quanto mais você praticar, melhor a sua pronúncia vai ficar.

Uma das maiores dificuldades para os brasileiros que querem falar inglês é pronunciar o som the TH, pois este som não existe em português. Na realidade, este som é produzido em português, sim, pelas pessoas que têm a chamada “língua presa,” como o ex-presidente Lula. Em português isso é considerado um defeito e talvez até por isso, muitas pessoas resistem muito em tentar falar dessa maneira. Muitos alunos me dizem que “é ridículo” colocar a língua para fora. No entanto, em inglês essa é a maneira correta de falar, e os nativos em inglês fazem isso normalmente.

Por este motivo, eu gosto de mostrar cenas de nativos falando inglês para tentar convencer as pessoas de que é assim mesmo. Vejam essa cena do seriado “Dallas” que eu editei e montei nesse pequeno vídeo:

Como você pode ver, não é vergonha nenhuma falar assim – pelo contrário! E como eu sempre digo, ter uma boa pronúncia é só uma questão de você trabalhar os seus músculos – a língua nesse caso – e colocá-los na posição correta. No começo pode parecer forçado, mas com o tempo, vai ficando natural e você vai fazer isso sem pensar.

Tente imitar o Lula falando “É assim mesmo que se fala!” e você vai colocar a língua na posição correta. Em português isso pode soar feio, mas vai ajudar a perceber a maneira correta de pronunciar o inglês.

Continue praticando. Para ter uma pronúncia boa você precisa querer!

Até mais,

Carlos

Dica 564 – Até desenhos animados colocam a língua na posição correta

julho 28, 2013

Como eu já disse uma vez, para falar corretamente você precisa exercitar os músculos da boca. São eles que vão ajudar os sons a sair de maneira correta. E uma das coisas importantes nesse trabalho é colocar a sua língua na posição certa. Muitos alunos acham bobagem fazer isso, mas isso é tão importante que até criadores de desenhos animados prestam atenção a estes detalhes.

Vejam esta cena do seriado “High School USA”, onde a personagem Amber levanta a língua para falar o som de L na palavra Well.

Em português nós pronunciamos o L final como U. Nós dizemos “Braziu”, “aneu”, “pasteu”, e na nossa língua esse som está correto. No entanto, em inglês, o L final é pronunciado com a língua para cima, e isso pode causar problemas de entendimento para os nativos. Eu já presenciei americanos não entendendo o nome do nosso país, pois a pessoa falava “Braziu” com o som de U no final. Não é má vontade dos nativos. Eles simplesmente não reconhecem o som, pois é muito diferente do som usado na língua deles.

Vejam essa cena do filme “Hercules”, onde até o personagem de desenho coloca a língua para fora e entre os dentes para pronunciar o som de TH na palavra anything.

Existem dois sons de TH. O sonoro, que aparece em palavras como the, mother, father, e other, e o mudo, que aparece em palavras como three, thinkbathroom e math. Se você não pronunciar o TH sonoro corretamente, os nativos conseguem entender você. Esse não é um problema tão sério. Se você falar de book ao invés de the book, você será entendido. No entanto o som de TH mudo pode causar mais problemas de entendimento. Three e tree são duas coisas bem diferentes, por exemplo. Pronunciar o TH corretamente é questão de prática. Treinando bastante, você chega lá.

Como tudo na vida para você aprender a fazer corretamente é preciso se esforçar e querer melhorar.

Vejam os exemplos desses desenhos e continue praticando!

Até a próxima,

Carlos

Dica 560 – O sotaque de Marion Cotillard

julho 16, 2013

Quando a atriz francesa Marion Cotillard ganhou o Oscar pelo filme La Vie En Rose (Em Português “Piaf- Um Hino ao Amor“) em 2007, ela falava muito pouco inglês. Hoje em dia, alguns anos depois, ela tem um inglês excelente, praticamente sem sotaque, um feito impressionante, visto que os franceses tem muita dificuldade com o sotaque em inglês.

Como eu comentei num post recente, para você falar inglês bem não é necessário falar sem sotaque nenhum, mas para um ator estrangeiro isso pode significar novas oportunidades de papéis no cinema de Hollywood, e não ficar limitado a papéis de estrangeiros.

Qual foi o segredo de Marion Cotillard? Muita prática e dedicação! Vejam essa entrevista dela, que encontrei no youtube. No comecinho da entrevista ela fala sobre o processo de aprender inglês e melhorar a pronúncia.

Notem que mesmo tendo um inglês excelente, ela ainda fala em melhorar e diz que vai se esforçar mais um pouco. Como eu sempre digo, dedicação é o segredo de tudo.

Está aí um bom exemplo a ser seguido!

Até a próxima,

Carlos

Dica 557 – Imitar ajuda a melhorar a pronúncia

julho 8, 2013

Imitar os nativos quando falam inglês ajuda a melhorar a pronúncia. Eu já falei sobre isso, mas hoje assistindo ao terceiro episódio do seriado Devious Maids, achei essa cena bem ilustrativa. No seriado, a personagem Carmen, vivida pela atriz Roselyn Sanchez, quer ser cantora. Carmen é de Pueto Rico, e um produtor diz a ela que para ser bem sucedida nos Estados Unidos ela tem que ter cara de latina, mas perder o sotaque. E sugere que ela trabalhe para perdê-lo. Aí está o que ela faz:

Melhorar a pronúncia é uma questão de treino e de vontade. E, é claro, de esforço, como seu sempre digo. Se você repetir, repetir, e repetir, você chega lá. Depende de você.

Para você falar inglês bem, você não precisa ter o sotaque perfeito como um nativo. Não é esse o objetivo. Você não precisa fingir que é nativo. Você pode ser um estrangeiro que fale inglês muito bem. Pode aproximar o seu sotaque bastante de um nativo. Se quiser perder o sotaque de vez, tem que que praticar muito mais. É muito difícil, e pouquíssimas pessoas conseguem. Veja o caso dos atores estrangeiros que trabalham nos Estados Unidos. A maioria fica limitada a personagens estrangeiros, por causa do seu sotaque.

De qualquer modo, a melhor maneira de você melhorar é imitar os modelos que você tem. Além do seu professor – se você estuda numa sala de aula – há muitos recursos disponíveis, como programas de TV, podcasts, CDs de áudio e muito mais.

Aproveite o que a mídia oferece e melhore o seu inglês.

Até mais,

Carlos