Posts Tagged ‘traducao’

Dica 536 – Assista à entrega do Oscar em inglês

fevereiro 23, 2013

Amanhã, dia 24 de fevereiro, acontece a entrega do Oscar aos melhores filmes de 2012. O evento vai ser transmitido ao vivo pela TNT, com opção de som original – sem a horrível tradução simultânea. A transmissão começa às 20:30 h com a chegada dos astros no tapete vermelho. A cerimônia começa às 21:30 h.

Está aí uma ótima oportunidade para você ficar sabendo em primeira mão quais filmes foram os vencedores e ainda mais para praticar o seu inglês. Aproveite!

Eu já contei isso diversas vezes – todos os anos nessa época eu falo a mesma coisa – mas desde criança eu sempre gostei de assistir à entrega do Oscar. Sendo um apaixonado por cinema, eu raramente perdi a transmissão. Houve uma época em que eu tinha que ficar fazendo o maior esforço para conseguir ouvir o que as pessoas diziam por baixo da transmissão simultânea. Conseguia distinguir algumas palavras e ficava super feliz com isso. Mais tarde, dava para se ouvir o som ao vivo através do rádio. Eu ligava a imagem da TV e o som do rádio, que não era grande coisa, e era fora de sincronia com a imagem. Mas já era um avanço. E eu curtia cada momento.

Hoje em dia há a opção de escolher o som original, que além de tudo tem boa qualidade. O que mais a gente pode querer? Bom, eu queria um dia estar lá ao vivo assistindo à premiação. Não custa sonhar…

Esse ano eu consegui assistir a todos os filmes indicados, filmes com atores indicados, inclusive os candidatos a melhor filme estrangeiro, documentário e desenho animado. Assim vou me divertir torcendo pelos meus favoritos – eu tenho um em cada categoria.

Como eu costumo dizer, não estou assistindo ao Oscar para estudar inglês, mas estou usando o inglês que eu aprendi para fazer as coisas das quais eu gosto. E esse deve ser sempre o seu objetivo ao aprender inglês. Ninguém aprende inglês porque o inglês é legal. O objetivo é você usá-lo para fazer o que você gosta ou precisa. E quando você consegue, todo o esforço para aprender terá valido a pena.

Eu sei que eu passei muitas horas da minha vida estudando, fazendo exercícios de gramática, vocabulário e pronúncia, mas tudo isso serviu para eu saber o inglês que sei hoje. E tudo valeu a pena. Pense nisso, pois se eu consegui, você também consegue. Eu sou igualzinho a você e se cheguei até aqui, foi graças ao meu esforço e vontade de aprender.

Até a próxima e divirta-se com o Oscar,

Carlos

Anúncios

Dica 530 – Assista à entrega do Globo de Ouro em Inglês

janeiro 12, 2013

Amanhã, dia 13 de janeiro, às 23 horas, a TNT vai transmitir a cerimônia de entrega do Globo de Ouro. Se eles oferecerem a versão original sem a tradução simultânea será uma oportunidade divertida de praticar o seu inglês.

A cerimônia do Golden Globe é bem mais informal do que a do Oscar. Além disso ela premia os melhores do cinema e da televisão. Para quem curte assistir filmes e seriados de TV, é uma boa dica de o que assistir. Já houve filmes e programas que eu só assisti depois de tê-los visto indicados em cerimônias de premiação. A curiosidade me levou a ver e acabei gostando.

Tem gente que gosta de ver só os vencedores dos prêmios. Outros gostam de ver todos os indicados. Você pode fazer o que quiser, mas fica aí a sugestão de quais foram considerados os 5 melhores de cada categoria. Você pode até discordar e considerar que um programa ou filme melhor ficou de fora. Que tal se reunir com alguns amigos e discutir o assunto – em inglês é claro?

No site do Golden Globe você encontra muitas informações e a história deste prêmio:

http://www.goldenglobes.org/

E aqui está a lista dos indicados deste ano:

http://www.goldenglobes.org/2012/12/nominations-2013/

O vídeo abaixo mostra o anúncio dos indicados. Como eu já falei na dica anterior, é legal para aprendermos a pronunciar os nomes dos filmes e dos atores:

A premiação começa às 23 horas de amanhã, e a partir das 22 horas você já pode assistir à chegada dos atores no tapete vermelho. É divertido também, e dá para você revisar todo o vocabulário de roupas quandos eles descrevem os vestidos das atrizes que estão chegando.

Boa diversão!

Até mais,

Carlos

Dica 440 – OneLook Dictionary

março 7, 2012

Um bom dicionário é muito útil para aprendermos inglês. E esta dica é de um dicionário que na verdade são muitos dicionários juntos.

O OneLook Dictionary é um dicionário online que funciona mais ou menos como um google dos dicionários. Você digita a palavra que você está procurando e ele dá links para todos os dicionários online onde essa palavra aparece. Através dele, você pode encontrar várias definições e exemplos com a palavra procurada. É uma excelente ferramenta. Confira:

http://onelook.com/

Ler muitas definições da mesma palavra ajuda muito, pois a mesma coisa é dita de maneiras diferentes e você vai formando um conceito melhor na sua cabeça. Ler vários exemplos de como a palavra é usada também é excelente, pois vamos aprendendo a usar a palavra. Quando aprendemos palavras novas, muitas vezes nós entendemos a definição, mas não sabemos como utilizar a palavra num contexto. Os exemplos são muito importantes para isso.

O OneLook Dictionary oferece ainda a opção de traduzir a palavra, coisa em que eu não recomendo. Já falei diversas vezes que sou contra a tradução e acho que devemos entender inglês em inglês. Mesmo que seja mais difícil no início, com o tempo a sua cabeça vai aprendendo a pensar em inglês e os conceitos se formam em inglês na sua cabeça.

O OneLook Dictionary tem ainda um recurso chamado Reverse Dictionary, onde você pode escrever o conceito de uma palavra e ele lista as palavras relacionadas. Ou seja, se você não sabe uma determinada palavra, você digita a explicação dela e ele vai te conduzir à palavra que você procura. Muito interessante.

Como tudo que existe online, você vai aprender a mexer mexendo. Portanto, entre no site e descubra as maravilhas que você pode fazer com ele.

Até a próxima,

Carlos

Dica 422 – Não basta traduzir as palavras para falar em inglês

fevereiro 1, 2012

Eu já comentei diversas vezes que na minha opinião não se deve aprender inglês traduzindo as palavras. Este é um assunto controverso, e há professores de inglês que não se incomodam de traduzir. Eu, no entanto, tenho isso como convicção.

Os alunos em geral pedem a tradução de tudo o que aprendem, pois acham que esse é o método certo para aprender. Mas saber a palavra em português e o seu equivalente em inglês não garante que você saiba falar inglês. E cabe aos professores mostrar aos alunos que é muito mais efetivo aprender inglês sem a tradução.

Quando aprendemos a nossa própria língua vamos associando os objetos (ou coisas abstratas como as emoções) com as palavras. De tanto ouvirmos, as coisas começam a fazer sentido para nós até que começamos a usar as palavras naturalmente. Há muita coisa que a gente sabe, mas não sabe explicar. Há palavras que a gente usa, mas se tiver que dar a definição para alguém não consegue.

Outro dia a minha filha Bruna leu uma placa numa loja que dizia algo mais ou menos assim: “Mercadorias só poderão ser devolvidas mediante a apresentação do recibo”. Ela me perguntou o que significava “mediante”. Eu disse que não aceitavam trocar mercadorias se a pessoa não trouxesse o recibo. Ela me perguntou: “Mas o que quer dizer a palavra ‘mediante’?” Eu não sei dar um sinônimo para essa palavra. Eu sei usá-la num contexto, mas não sei defini-la com precisão.

Quando nós aprendemos inglês também funciona mais ou menos assim. A gente aprende como se dizem as coisas, mas há coisas que não sabemos explicar. E há muita coisa que a gente aprende sem saber a palavra equivalente em português.

Muita gente acha que é só pegar as palavras em português e traduzir para o inglês que estará falando ou escrevendo inglês. E acaba falando uma língua que  eu chamo de “português traduzido”. Essa língua é uma coisa que um nativo não entende.

Vejam este aviso que estava num barco onde eu fiz um passeio na Amazônia recentemente:

A pessoa que fez essa tradução traduziu palavra por palavra e escreveu algo que não é inglês. Há vários outros exemplos disso como o restaurante que escreveu “Against Grilled Steak” embaixo de “Contra filé grelhado”. Ou aquele outro que escreveu “Filet of boyfriend” embaixo de “Filé de namorado”.

A música “Ai Se eu Te Pego” de Michel Teló, sucesso mundial, agora tem a sua versão em inglês – ou algo que parece inglês mas não é. A gente até que acha engraçado e dá muita risada dos absurdos de tradução e de pronúncia, mas na verdade é triste, pois muita gente vai cantar isso no Brasil achando que está cantando em inglês. E quem não sabe inglês, acaba aprendendo errado.

Por isso eu sempre encorajo as pessoas a aprenderem inglês sem a tradução. Embora pareça mais difícil no começo, o resultado será muito melhor. E não faz mal que você saiba falar uma coisa mas não saiba como dizer isso em português. E também não faz mal que há palavras que você sabe falar em inglês mas não sabe falar em português. Isso é absolutamente normal.

Até mais,

Carlos